Arquivo de abril de 2013

Linux estará presente em 80% das companhias em 5 anos, diz pesquisa

quarta-feira, 24 de abril de 2013

O Linux deu saltos significativos no ambiente corporativo nos últimos dois anos e sinaliza que continuará crescendo dentro das empresas. Enquanto a receita geral de servidores subiu apenas 3,1% e de servidor com Windows somente 3,2% no quarto trimestre de 2012, o ambiente de código aberto avançou 7,12% no mesmo período. Já Unix a participação de Unix na pizza, caiu 24,1%.

Os dados fazem parte de um relatório global sobre o uso de Linux nas empresas, divulgado pela Linux Foundation. Realizado em parceria com o Yeoman Technology Group, o estudo abordou companhias que faturam acima de 500 milhões de dólares ao ano e empregam menos de 500 funcionários.

Ajuda da nuvem

“Estamos vendo o crescente aumento de Linux nas empresas, especialmente nas mais importantes áreas de negócio”, afirma Amanda McPherson, vice-presidente de marketing e desenvolvimento de serviços da Fundação Linux. Ela informa que estão surgindo desenvolvimento do Linux para colaboração em vários setores.

A executiva diz que usuários corporativos consideram a plataforma de Linux dominante para a computação em nuvem. Entre as companhias entrevistadas, 76% disseram que adotam servidores Linux para aplicações de cloud computing e 74% planejam manter ou aumentar adoção do sistema de código aberto para futuras iniciativas de nuvem.

Quando se trata de novas aplicações e implantações de serviços, mais de 75% das corporações entrevistas informaram que a plataforma de desenvolvimento adotada nos últimos dois anos foi Linux.

Em parte, o crescimento de Linux tem sido puxado pelo aumento das aplicações de nuvem e Big Data. A pesquisa aponta que o uso da plataforma para cargas de trabalho críticas subiu dramaticamente nos últimos anos, tendo registrado uma expansão de 73% em 2013, segundo a Linux Foundation.

Mais treinamento

O que está levando o aumento dos investimentos em no Linux? A percepção sobre gerenciamento é considerada o maior fator de adesão ao sistema de código aberto. Entre as entrevistadas para o estudo, 95% disseram que Linux hoje é mais estratégico para a organização do que era em anos anteriores.

De acordo com o relatório, as preocupações sobre Linux caíram. Uma das razões para o aumento da tecnologia nas empresas é o crescimento também da quantidade de talentos treinados na plataforma, diz a Linx Foundation.

O aumento de mão de obra especializada é resultado do incremento de programas de formação apresentados ao mercado ao longo dos últimos anos pela comunidade Linux. Como reflexo disso, a entidade afirma que elevou o número de usuários da plataforma nas organizações.

Por Katherine Noyes – PC World (US)